• Agentes de Saúde de Cabo Frio atuam em residência no bairro Passagem com diversos criadouros do mosquito da dengue.

     



    Agentes de saúde de Cabo Frio realizaram uma intervenção, nesta semana, em uma residência alugada, no bairro Passagem, para guardar canoas havaianas. Após pedido da proprietária do imóvel, para uma vistoria e aplicação de biolarvicidas, os agentes identificaram que o imóvel está fechado e apenas a parte externa é utilizada.



    A ação ocorreu devido à preocupação com a proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como dengue, chikungunya, zika e febre amarela. Durante a vistoria, foram identificados vários locais com água parada, incluindo as próprias canoas, vasos de plantas e uma piscina sem tratamento adequado. Os agentes de endemias removeram os depósitos e descartaram a água parada, além de fornecerem orientações aos proprietários das canoas sobre como armazenar os equipamentos de forma adequada, sempre virados para baixo.

    “O combate contra a dengue deve acontecer em todos os lugares. Qualquer recipiente que possa acumular água pode ser um local propício para proliferação das larvas do mosquito. Por isso, a atenção deve ser por constante e por todos”, ressalta o coordenador do setor de Vigilância Ambiental em Saúde e Zoonoses, Luiz Alberto Melo.

    As equipes de Agentes de Combate às Endemias, do Setor da Vigilância Ambiental em Saúde, realizam visitas domiciliares diariamente nos bairros. Suas atribuições incluem o tratamento com larvicida em depósitos fixos com água parada, a eliminação de possíveis criadouros e a orientação educativa aos moradores, que desempenha um papel crucial na prevenção contra o mosquito Aedes aegypti.


    A Secretaria de Saúde ressalta a importância de cada cidadão dedicar 10 minutos por semana para realizar uma vistoria em seu imóvel em busca de possíveis focos de dengue, tanto no quintal quanto dentro de casa, onde até mesmo a bandeja da geladeira, próxima ao motor, pode acumular água parada.



    Para solicitar uma visita ou fazer uma denúncia relacionada à dengue, os cidadãos podem entrar em contato através do número (22) 2646-2506 Ramais 2250 e 2248.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Arraial do Cabo tá mudando pra melhor

    Arraial do Cabo tá mudando pra melhor

    Q Onda Moda Praia