• Tunay Lima , sócio de Glaidson Santos na G.A.S. , tem prisão domiciliar revogada.


    A Polícia Federal (PF) prendeu, na noite desta segunda-feira (4), Tunay Pereira Lima, sócio de Glaidson Santos, o "faraó dos bitcoins". Ele estava em prisão domiciliar e foi localizado na sua casa na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.




    O esquema do qual Tunay é suspeito de participar, e que Glaidson segundo as investigações estava à frente, movimentou pelo menos R$ 38 bilhões por meio de uma empresa suspeita de aplicar o golpe conhecido como "pirâmide" financeira.

    A G.A.S. Consultoria Bitcoin, onde Tunay era sócio de Glaidson, prometia 10% de lucro em investimentos de clientes no mercado de criptomoedas.

    Em agosto do ano passado,  a Operação Kriptos, do Ministério Público Federal (MPF) e da PF desmantelou o esquema e prendeu suspeitos de integrarem o grupo criminoso.

    GAS responde a, atualmente, 288 processos.
    Fonte : G1.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook