• GATO DE ÁGUA - Inea e polícia civil realizam operação contra ligação clandestina que abastecia caminhões, no Guriri, em Cabo Frio.


    O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e a Polícia Civil, identificaram uma ligação clandestina de água na tarde desta quinta-feira (06), em um imóvel no bairro Guriri, em Cabo Frio. A operação foi realizada após a Concessionária ter recebido uma denúncia anônima. O local era utilizado para abastecer caminhões pipa irregulares. A ligação clandestina foi desfeita pela equipe de Fiscalização da concessionária e os equipamentos foram apreendidos pelos policiais. O responsável irá responder um processo criminal por furto, já que a ação é considerada crime, segundo o código penal (artigo 155).

    De acordo com o Inea, as operações de combate à fraude são intensificadas durante o verão, pois a venda ilegal de água costuma crescer na alta temporada. “Com o aumento da população, muitos pipeiros vendem água para grandes consumidores, como condomínios, hotéis e pousadas, por exemplo, mas esse ato é irregular. Por isso, reforçamos a fiscalização neste período. Além disso, quando uma pessoa faz uma ligação irregular pode causar risco de contaminação, não só da água que está sendo furtada, como também de toda a rede de distribuição” – explica Alexandre da Mata, chefe de Fiscalização do instituto.

    Para evitar irregularidades, a Prolagos também realiza inspeções periódicas em Arraial do Cabo, Armação dos Búzios, Cabo Frio, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia. “As ligações clandestinas podem impactar toda a rede de abastecimento, pois a localidade pode não ter sido dimensionada para este tipo de fornecimento, despressurizando o sistema” - pontua Rodrigo Pereira, coordenador Comercial da Concessionária.


    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook