• Água potável chega na Orla da Praia do Peró, em Cabo Frio.




    Quase vinte anos após o início da concessão, a concessionária Prolagos começou a instalar a rede de água potável na orla da Praia do Peró, que a partir deste fim de semana volta a desfraldar a Bandeira Azul, certificado internacional de qualidade ambiental. A nova rede vai abastecer os 17 quiosques da praia, que até agora usam água de galões. Não há previsão, contudo, para a construção da nova rede de esgotamento sanitário.

    As obras foram iniciadas depois que a Secretaria Municipal de Meio Ambiente emitiu, no dia 18 de novembro, a certidão ambiental autorizando a instalação da rede de água potável, uma antiga reivindicação não somente dos proprietários de quiosques como também dos usuários. Sem o abastecimento, os comerciantes eram obrigados a usar água de poço para lavar os utensílios usados nas cozinhas.

    Na certidão ambiental, a Prolagos é autorizada a instalar a rede de água potável juntamente com a rede de esgotamento sanitário. Atualmente, os resíduos dos banheiros e das caixas de gordura escoam por uma rede antiga que leva os detritos para a rede de água pluvial do Peró, sem, contudo, comprometer a praia.

    A Prolagos informou que a nova rede de esgotamento sanitário só será feita após a construção dos novos quiosques. O prefeito eleito de Cabo Frio, José Bonifácio, em visitas ao Peró, disse que a água potável e o esgotamento sanitário da orla são prioridades e que iria cobrar as obras da concessionária. “É uma obrigação da Prolagos e uma questão de saúde pública” – afirmou.

    José Bonifácio disse ainda que pretende construir novos quiosques, mas ao longo do seu governo. Lembrou que os recursos da Prefeitura são reduzidos e que procurará parcerias para executar as obras:

    -- Vamos tentar fazer ao menos quatro quiosques por ano (cada conjunto envolve dois quiosques). Designei os futuros secretários de Obras, o de Meio Ambiente e o de Governo, para conversar com a Prolagos, não somente sobre o Peró como também a respeito de Tamoios, que não tem um metro de rede de esgotos. Oras com grande investimentos demoram, mas não é possível que um bairro, que tem a Bandeira Azul não tenha saneamento básico – lamentou o prefeito eleito.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook