• "Fogos e shows de reveillon não são vendidos no pacote de fim de ano. Nossos hóspedes gostam de sossego." Carlos Cunha, Associação de hotéis.



    Após o anúncio na mudança das comemorações de Reveillon na cidade de Cabo Frio, com a suspensão dos shows de pirotecnia e de grupos musicais por parte da prefeitura, muitas dúvidas ficaram no ar. 

    O Secretário de Turismo de Cabo Frio, Paulo Cotias, em uma entrevista a Rádio Cabo Frio FM, informou que outras alternativas estão sendo discutidas para as festividades de final de ano e declarou . " Ninguém cancela natal e reveillon. O que não faremos é promover evento para formar aglomeração nas praias do município por que não há clima com tantas mortes que tivemos este ano de 2020 e ainda estamos com a preocupação da pandemia, mas vamos nos reinventar. " Destacou.



    O Presidente da Associação de Hotéis e Restaurantes  de Cabo Frio, Carlos Cunha, concordou com o posicionamento da prefeitura e falou sobre o assunto . "A mudança na forma de comemorar na Praia do Forte não muda muito para nós. Nossos clientes normalmente vem querendo descanso, prefere uma festa mais restrita com a família. Nós não vendemos a queima de fogos nem os shows na praia para nossos hóspedes. Assim como o carnaval. Foi uma decisão acertada, não há clima, não há dinheiro para fazer isso. Vamos colaborar sugerindo a criação de pequenos palcos com artistas locais para tentar espalhar as pessoas que com certeza ainda irão em direção a Praia do Forte, por questão de tradição e tudo mais." Finalizou .

    A prefeitura suspendeu todos os eventos em áreas públicas até o final de ano e não vai autorizar que mesmo de origem privada, utilizem espaços públicos.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook