• Em Arraial, Prefeitura realiza ação conjunta e apresenta na delegacia mais de 20 "atravessadores" vendendo passeios de barco.



    Nesta sexta-feira (10), 26 pessoas foram detidas e conduzidas à 132 DP, após uma operação conjunta que visou combater a cobrança ilegal e abusiva de estacionamento em vias públicas por parte dos flanelinhas em Arraial do Cabo, coibindo também a venda irregular de passeios náuticos. Entre os detidos estavam flanelinhas e vendedores de passeios, conhecidos como atravessadores. 

    Resultado de imagem para marina dos pescadores

    Ao todo, 16 agentes da Secretaria de Segurança Pública participaram da ação montada em esquema especial, com o apoio do GAOP, GETRAN, Posturas e Polícia Militar. As equipes percorreram as ruas da Prainha, Praia Grande, Praia dos Anjos, Praia do Pontal, Pontal do Atalaia e as principais vias públicas. 
    Resultado de imagem para 132 delegacia
    De acordo com o Secretário de Segurança Pública, Bruno Monteiro, a venda de passeios marítimos devem ser efetuadas somente dentro das agências e nos locais determinados no decreto 3.011 de 20 de dezembro de 2019, chancelado juntamente com o Ministério Público, para que não haja tumulto nas ruas, evitando com que os turistas se sintam incomodados e coagidos quando abordados, na maioria das vezes, de forma inconveniente pelos atravessadores. 

    “As embarcações serão identificadas, como estão em desacordo, podem receber multa, além de 24h de suspensão, não podendo realizar a saída para o mar” - afirmou o secretário Bruno Monteiro. 

    A população pode cooperar com as autoridades denunciando pelo número 199.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook