• Reunião para discutir organização da confecção de tapetes de Corpus Christi (20)




    Representantes Comsercaf, Guarda Municipal, Coordenadoria de Posturas, Conselho Tutelar e Secretaria de Turismo de Cabo Frio, juntamente com membros das polícias Civil, e Militar e da Paróquia de Nossa Senhora da Assunção, participaram nesta quinta-feira (13) de uma reunião promovida no Centro de Comunicação Padre José Júlio de Souza, que fica dentro da Matriz Auxiliar, para discutir o esquema de organização para a confecção de tapetes da tradição de Corpus Christi (20).
    A montagem será realizada tanto no Primeiro quanto no Segundo Distrito pelas Pastorais da igreja. No Centro, a Avenida Assunção vai receber 58 tapetes. Já em Aquárius, na Avenida Independência, serão confeccionados 20.


    O transporte das cerca de 13 toneladas de sal ficará sob a responsabilidade da Comsercaf. Em Tamoios o material será descarregado na quarta (19), véspera da celebração. Já no Centro da cidade, o sal será entregue na quinta (20), às 6h. Após a celebração, às 20h, o material retornará para a empresa doadora, onde será reaproveitado.
    Para garantir a segurança e impedir atos de vandalismo, 3 torres de observação serão instaladas na Avenida Assunção, onde a Guarda Municipal, agentes da Coordenadoria de Posturas e as polícias Civil e Militar atuarão no monitoramento da área. Um micro-ônibus será utilizado para recolher adolescentes desacompanhados dos responsáveis, e adultos, que utilizarem as tintas para pintar pessoas e os equipamentos públicos.
    “A Prefeitura vai disponibilizar toda a infraestrutura necessária para a realização do evento. Essa é uma data importante para o calendário turístico de Cabo Frio e uma tradição religiosa que faz parte da história da cidade” – fala Dario Guagliardi, presidente da Comsercaf.
    A igreja calcula que cerca de 700 pessoas participarão da confecção dos tapetes. Todos os participantes receberão um crachá de identificação.
    “Todos os anos celebramos o ponto central da nossa vida de fé, que é a Eucaristia, mas infelizmente nos anos anteriores aconteceram ações de desordem e queremos evitar que isso ocorra novamente. Esperamos que o turista e as famílias cabo-frienses possam caminhar junto conosco e fazer parte dessa grande festa eucarística com segurança” – explica o padre Marcelo Chelles.

    3 comentários:

    1. A cidade cheia de mazelas e ruas com excessos da de buracos e estão preocupados com tapetes. Francamente !!!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Se não faz reclama se vai fazer reclama ai fica dificil

        Excluir
      2. Quando se tem outras prioridades e se preocupa com outras coisas , tem que reclamar mesmo . Difícil é caminhar em ruas cheias de buracos . Ao invés de tapetes de sal , que tal : uma camada asfálticas ? Difícil , meu caro ?
        Fazendo tapetes ou não , eu não estou nem aí para confecção de tapete. Tanto fez que tanta faz ! Dane-se!
        E viva a DEMOCRACIA!

        Excluir

    Degs Game

    Degs Game

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook