• Procon de Cabo Frio entra com representação no MP contra a Enel.



    Depois de receber cerca de 500 reclamações contra o serviço prestado pela concessionária Enel, o Procon Cabo Frio protocolou neste mês uma representação contra a prestadora de serviço no Ministério Público. Cópias das diversas reclamações já se encontram com o Promotor de Justiça da Tutela Coletiva Vinícius Lameira, que já instaurou inquérito civil.

    As reclamações variam entre cobrança abusiva, oscilação de energia, não prestação de serviços, demora no retorno ao consumidor, entre outros. A diretora do Procon, Mônica Bonioli, afirma que o consumidor sempre será amparado: “Reunimos todas as reclamações dos consumidores junto ao Ministério Público contra a Enel pela péssima prestação nos serviços. Essa cidade tem Procon e agimos em defesa dos consumidores de Cabo Frio sempre!” declarou Mônica.

    Quem se sentir lesado pela concessionária ainda pode recorrer ao órgão.

    ‘’As reclamações recebidas dos Consumidores do nosso Município foram devidamente encaminhadas para o Ministério Público, com fins de que sejam tomadas as medidas cabíveis. O Procon Cabo Frio não medirá esforços para atuar em defesa dos direitos da população. O consumidor que se sentir lesado poderá se dirigir ao Órgão para formalizar sua reclamação, que é de suma importância para que possamos intervir em prol da população de Cabo Frio”, informou Monique Lima, advogada do Procon.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook