• Governador Wilson Witzel vem a Cabo Frio neste sábado (12).



    O governo do estado quer fortalecer o Aeroporto Internacional de Cabo Frio para receber turistas nacionais e internacionais. O governador Wilson Witzel vai pessoalmente a Cabo Frio, na Região dos Lagos, neste sábado, para recepcionar turistas argentinos que chegarão num voo da Azul Linhas Aereas. Acompanhado do secretário estadual de Turismo, Otávio Leite, ele também terá encontro com os prefeitos e com o trade turístico da Região dos Lagos.

    Witzel vai ouvir os apelos dos prefeitos e dos empresários da Região dos Lagos, que no feriadão do réveillon recebeu cerca de 200 mil visitantes a mais que nos feriados do mesmo período dos anos anteriores. O resultado foi um colapso nos sistemas de transporte, de distribuição de água e de energia, além do caos registrado nas estradas estaduais e federais de acesso à Região dos Lagos.

    -- O governador quer ouvir os prefeitos e as lideranças do setor de turismo para organizar planos em relação à Costa do Sol, com o objetivo do fortalecimento do turismo de qualidade – disse Otávio Leite, que no mês passado visitou a Praia do Peró, que recebeu a Bandeira Azul, título internacional de qualidade de praias.

    Segundo Leite, o governador quer recuperar os voos internacionais que deixaram de pousar no Galeão (foram para São Paulo) e fortalecer o turismo regional. O primeiro passo é incentivar as operações no Aeroporto de Cabo Frio, que tem a segunda maior pista do Estado do Rio, ficando atrás apenas do Galeão:

    -- O governador quer que o Aeroporto de Cabo Frio se consolide como um forte eixo aereo do Estado do Rio. Por isso vai lá pessoalmente recepcionar os turistas argentinos. Pena que não terá tempo de dar um mergulho nas águas cristalinas da Praia do Peró – brincou o secretário de Turismo.

    Durante o encontro, lideranças da Região dos Lagos vão pedir a Witzel para tirar da gaveta o projeto da nova ligação entre o Aeroporto de Cabo Frio com o Peró e Búzios, através da Estrada da Penetração, que tem 2,5 quilômetros e liga a RJ-102 (Estrada do Guriri) à Avenida Wilson Mendes. A obra, que chegou a ser autorizada pelo então governador Sérgio Cabral antes da crise no governo estadual, tira o tráfego do Jacaré, cuja via não suporta o volume de carros com destino e procedente dos dois destinos turísticos.

    Presidente do Sindicato dos Hotéis e Restaurantes de Búzios, Thomaz Weber disse que os empresários do setor vão pedir ao governador investimentos no setor rodoviário (nos acessos e nas ligações entre municípios); mais segurança (mais um batalhão da PM, inclusive); e, apoio na divulgação e nos eventos da Costa do Sol para atrair turistas de outros estados e países, sobretudo na temporada que vai de março a novembro:

    -- A presença do governador na região é importante à medida que ele demonstra a preocupação com o setor de turismo, que diz ser o novo petróleo do Rio. E a visita ocorrer justamente no Aeroporto de Cabo Frio, que é um equipamento público importante para a Região dos Lagos não somente na questão do turismo como também nas operações de carga aérea – destacou Weber.

    Presidente da Federação de Conventions Bureau do Estado do Rio, Marco Navega disse que o setor entregou uma lista de reivindicações ao secretário Otávio Leite.

    -- Estamos com esperança porque, enfim, o orçamento de 2019 contempla o setor de turismo com mais recursos. O estado tem toda a potencialidade para atrair mais turistas de qualidade, bastam seriedade, planejamento e ações. A visita do governador a Cabo Frio é um sinal de que ele valoriza o setor – comemorou Navega.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Degs Game

    Degs Game

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook