• Hasteamento da Bandeira Azul acontece no dia 25 de Novembro, na Praia do Peró.




    A Bandeira Azul será hasteada na praia do Peró, em Cabo Frio, no dia 25 de novembro. O anúncio foi feito pelo coordenador do programa, Carlos Magno, durante reunião dos moradores, comerciantes e hoteleiros com autoridades municipais no Container Market. No dia 20, a Prefeitura de Cabo Frio, através da Comsercaf (empresa de limpeza pública), fará um grande mutirão de limpeza e arborização no Peró. A prefeitura inicia na segunda-feira as obras de adequação da orla para receber a Bandeira Azul.

    Certificado internacional de qualidade, a Bandeira Azul só é hasteada em praias que cumpram um conjunto de requisitos de qualidade ambiental, segurança e boa infraestrutura. A qualidade da água do mar, contudo, é a principal exigência para uma praia ostentar a Bandeira Azul. O selo é conferido pela Fundação para a Educação Ambiental (FEE), com sede na Dinamarca.

    -- O projeto de adequação física da praia será feita em duas etapas, uma antes e outra depois do verão. Temos a responsabilidade de cumprir o cronograma da primeira fase até o dia 25 de novembro para hastear a bandeira. O prefeito Adriano Moreno autorizou a liberação dos recursos. Vamos cuidar da acessibilidade, do esgoto dos quiosques e fechar a orla para os carros, além de outros serviços. A revitalização dos quiosques, uma obra mais demorada, fica para depois do verão – explicou Carlos Magno.

    Na reunião promovida pelo movimento Amigos do Peró e Associação da Costa do Peró, o secretário municipal de Turismo, Radamés Muniz, prometeu interceder junto à secretaria da Ordem Pública para que o plano viário do Peró seja posto em prática logo no início do verão. O caos no trânsito e a invasão de ônibus de turismo preocupam os moradores. Ele também prometeu levar eventos para a praia e a Praça do Moinho com artistas locais:

    -- A nossa intenção é impedir a desordem, como carros e ônibus de turismo estacionados em locais proibidos. Não há como proibir o acesso das pessoas à praia, mas com ordenamento. Temos que sair da zona de conforto, com apoio dos moradores e da iniciativa privada. Queremos ver Cabo Frio dar certo – afirmou o secretário.

    O presidente da Comsercaf, Luiz Cláudio Gama, disse que todos os recursos da Comsercaf, com apoio da Coordenadoria do Meio Ambiente, serão deslocados para o grande mutirão do Peró no dia 20. Além de completa revisão e limpeza de galerias de águas pluviais e terrenos baldios, será feita poda e plantio de árvores nas principais ruas do Peró, além de revisão completa da iluminação pública.

    -- Nós abraçamos o projeto do Peró. Vamos, com a Secretaria de Obras, melhorar os acessos e fazer um trabalho completo de manutenção em todo o bairro, especialmente na orla que receberá a Bandeira Azul. O bloqueio dos recursos da prefeitura pela justiça está prejudicando os projetos que exigem mais recursos, mas isso não será obstáculo para o mutirão do Peró – garantiu Gama.

    Os moradores e comerciantes reclamaram das condições dos acessos e cobraram uma solução para a Base Operacional da Polícia Militar e Guarda Municipal, na Praça do Moinho, que está servindo atualmente para o escritório de guardadores de carros. A Polícia Militar e o Comando de Polícia Ambiental, convidados, não enviaram representantes:

    -- Com o novo acesso ao Peró, através da Estrada do Guriri, é preciso que seja estudado um novo modelo de segurança para o bairro – sugeriu o hoteleiro Roberto Saci.

    Corine Muller e Carlos Cunha, presidente e vice da Associação da Costa do Peró, que reúne 70 empresários, anunciaram vários eventos para a alta temporada. O primeiro deles é a abertura do verão, nos dias 24 e 25 de novembro, com festival de Bossa Nova e feira de artesanato, coincidindo com o hasteamento da Bandeira Azul. No dia 1 de Dezembro, o Peró vai sediar a corrida cervejeira. Outros eventos, como o Papai Noel na praia, serão fechados numa reunião ao longo da próxima semana.

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook