• Servidores cruzam os braços por causa de atraso de pagamento, em Arraial do Cabo.



    Funcionários de creches de Arraial do Cabo cruzaram os braços desde ontem para protestar contra o atraso de salários. Alguns servidores não recebem há dois meses e não há prazo para o fim da greve.

    Na Creche Stella Fraga, no Morro da Cabocla, os pais que levaram os alunos tiveram que dar meia-volta. Profissionais contratados da creche do Morro da Boa Vista e da Escola João Torres, na Prainha, também aderiram ao movimento.

    A diretora de imprensa do Sepe Lagos, Denise Teixeira, afirma que há outros problemas.

    – Em Arraial, a gente vem tentando acordo com a prefeitura e ela nunca dá resposta. As turmas de pré 1 e de creche precisam de auxiliares de creche e a prefeitura não está colocando. A lei garante. Outra questão é a reposição do piso nacional, que pela primeira vez não é repassado. Tem também a questão da lei de consulta dos diretores. – comentou.

    De acordo com a Secretaria de Educação, “todos os professores receberam, somente os auxiliares de creche que ainda estão com pagamento pendente”. Sobre o movimento de ontem, a pasta declarou que ‘alguns profissionais faltaram’, mas foi feito remanejamento e os alunos não ficaram sem aula.

    Para estes, foi informado que a Secretaria está buscando soluções junto à Secretaria de Administração. que informou que já está viabilizando o salário dos auxiliares.
    Fonte : Folha dos Lagos.

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook