• "Em Búzios, gastaram R$ 600 mil com uma lavanderia, enquanto pacientes morrem sem hemodiálise". Destaca vereadora.


    Na sessão da câmara de Vereadores da cidade de Armação dos Búzios, mais uma vez a vereadora Gladys Nunes mostrou sua preocupação com a população que sofre sem assistência do poder público. Nesta quinta feira (24) a vereadora apresentou uma indicação para a criação de um centro de tratamento com hemodiálise para a população. "Eu estive no Hospital Municipal, encontrei uma sala ocupada com móveis que foram comprados com verba federal e que não estão sendo utilizados se juntando, virando sucata . Poderia ser alí o local que atenderia a muitas pessoas. O paciente não faz hemodiálise sozinho, toda a família acaba se envolvendo. É um período de muito sofrimento. São 04 horas preso a uma máquina, isso sem falar na viagem que faz, pois aqui em Búzios não há este tratamento. Ou consegue fazer em Cabo Frio ou em Araruama. A prefeitura gastou R$ 600 mil reais em uma lavanderia no hospital que não usa. O equipamento tá se acabando lá . Poderiam comprar equipamentos para os pacientes que precisam . " Destacou a Vereadora Gladys.

    Uma van da Secretaria de Búzios chegou a ficar na estrada quando levava pacientes para um tratamento de saúde no Rio de Janeiro. 

    Ainda na tribuna, a vereadora lembrou que um morador buziano faleceu naquela manhã de quinta feira (24), por que não conseguiu comparecer ao tratamento. Lembrou do sogro do ex vereador Uriel, que também viveu esta realidade e tantos outros.  A indicação da vereadora foi aprovada e elogiada por  pelos pares, mas um requerimento para saber como está sendo utilizado a verba da saúde com relação a pagamentos de empresas prestadoras de serviço foi rejeitada. 
    Ela atribui a rejeição ao fato de ser da oposição ao governo. Movida pela emoção de saber da morte do morador e da recusa da câmara diante de requerimento, a vereadora fez colocações fortes e cobrou uma câmara independente. Agora, está na mira de seus colegas, que prometem represália por causa de suas colocações, ameaçando inclusive caçar seu mandato. 
    "Sei que os vereadores, assim como eu, também foram movidos pela emoção e na verdade esse embate é natural quando defendemos aquilo que acreditamos. Hoje o governo é maioria absoluta na câmara, mas não levo em consideração a ameaça de tirar o meu mandato. Tenho a certeza que o meu trabalho é o retrato de meu empenho pela população que foi enganada e sofre com a atual administração." Finalizou Gladys Nunes.
    Na rede social, população que acompanha o trabalho da vereadora começou a se organizar para ir as ruas, caso os vereadores apresentem o pedido de perda de mandato de Gladys. 

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook