• VÍDEO - Pm prende suspeito da morte de italiano que entrou em comunidade por engano no Rio. Elemento estava em Cabo Frio.


    Os primos, italianos, faziam um tour pelo Brasil. Entraram por Foz do Iguaçu no Brasil, depois de passar pelo Paraguay e estavam no Rio de Janeiro conhecendo a cidade . 






    Ele afirma que foi expulso de Morro dos Prazeres e por isso veio para Maria Joaquina.



    O 25ºBPM conseguiu localizar e prender um homem suspeito da morte de Roberto Bardella (52), de nacionalidade italiana, na manhã desta quinta feira (25).  O fato aconteceu em dezembro de 2016, quando a vítima e o primo, Rino Polato (59) que faziam um tour de moto pelo Brasil  entraram por engano no Morro dos Prazeres, em Santa Tereza, no Rio de Janeiro, sendo atacados por traficantes. Os bandidos mataram o Roberto e mantiveram o primo como refém que foi resgatado por uma equipe da Polícia Civil . Roubaram as motos e os pertences das vítimas. 
    O crime repercutiu internacionalmente e a justiça expediu, após colher o depoimento da vítima sobrevivente e realizar escutas telefônicas, 12 mandados de prisão . O primeiro mandado a ser cumprido foi justamente o do detido na cidade de Cabo Frio, identificado como Marcos Vinicius Paulo Oliveira (24). Ele estava na casa de parentes na Rua Por do Sol, em Maria Joaquina . 



    O elemento declarou para a nossa reportagem que estava fugindo da comunidade por causa de dívida e que nada tem haver com a morte do turista . " Eu não participei deste fato. Eu morava no Morro dos Prazeres, era bandido sim e só vim pra cá pra me esconder, pois estavam querendo me matar, então fui expulso . Eu saí de lá em 23 de junho de 2016 ( antes do homicídio) com minha família . Eles estão me acusando de uma coisa que não fiz. Agora vou tentar provar minha inocência." Declarou o detido para nossa reportagem .


    O comandante da Cia de Búzios, responsável pela prisão, Tenente Diogo, acredita que a confiança da população no trabalho da polícia militar foi determinante na realização desta ocorrência. "Na mesma comunidade apreendemos fuzis e prendemos elementos perigosos, graças as denúncias dos moradores. Vamos continuar trabalhando, queremos garantir a população uma melhor qualidade de vida." Declarou o tenente.
    O elemento foi apresentado na 126ª Dp pelos Sargentos Rodrigues e Barão.

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook