• Morador de Cabo Frio, acusado de matar um cão e um porco, é detido em Curitiba suspeito de tráfico de animais.

    As cobras foram encontradas na gaveta das roupas, no flat onde estava o morador.



    Um morador da cidade de Cabo Frio foi detido pela Polícia ambiental e pelo Ibama no Centro de Curitiba, Paraná, Região Sul do Brasil.  Após várias denúncias, ele e sua companheira foram detidos em um flat  Os animais também foram recolhidos em um sítio na região metropolitana da cidade. 

    Ao todo, segundo a PM, 50 bichos foram apreendidos.

    Entre os animais encontrados no hotel, havia 32 serpentes, dois furões, uma tartaruga mata-mata, três lagartos da espécie dragão-barbudo e uma aranha caranguejeira, de acordo com o Ibama. Dezoito ovos de cobras também foram apreendidos.

    A PM ainda relatou a apreensão de iguanas e de ratos, que eram utilizados para a alimentação das cobras.

    O detido tinha documentos que, segundo o Ibama, davam aparência de regularidade para a venda dos animais. Contudo, eles eram comercializados ilegalmente.

    O Ibama informou que vai verificar o material apreendido: notas fiscais de papagaios, guias de trânsito sem preenchimento, carimbos de veteronários e de órgãos governamentais, medicamentos e seringas.

    Conforme o Ibama, a apreensão indica o manejo e o comércio ilegal dos bichos.

    O suspeito é acusado por um empresário, dono de um salão de cabeleireiro como o autor de uma tentativa de homicídio, onde também teria matado um porco de estimação, com requintes de crueldade. O caso ainda está sendo investigado pela polícia em Cabo Frio. Na rede social o empresário fez um desabafo sobre a situação : 

    A postagem do cabeleireiro. O crime praticado contra ele foi registrado no final de dezembro.




    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook