• Prefeito quer tirar 20% do orçamento da Educação e aumenta em mais de 100% para Comsercaf. "Lixo vale mais que estudante".

    Vereadores do município de Cabo Frio estão tentando modificar a mensagem do executivo que foi enviado a Câmara, com uma proposta de diminuição de 22% do orçamento da Educação para o ano de 2018, com um aumento de mais de 100% para a Comsercaf. A proposta revoltou todos os setores. "É um absurdo você diminuir as verbas da Educação, da Saúde, da Indústria e comércio, aumentando a verba repassada para a Comsercaf. Isso sem falar no repasse para a Câmara, que sugere um aumento de 40% . Isso nos leva a pensar : Será que é por causa do ano eleitoral e os acordos políticos precisam ser firmados?" Destacou um professor da rede pública municipal revoltado com a prerrogativa que um aluno hoje vale menos que lixo em Cabo Frio. 
    O SEPE Lagos se manifestou contrário a este posicionamento do Prefeito Marquinho Mendes, um dos membros do sindicato fez uma observação lembrando que o mesmo prefeito comparece as rádios falando em proteger os estudantes e procede de maneira contrária.

    Na manhã desta quinta feira (30) a população está sendo convidada a participar de uma audiência pública no auditório da prefeitura para discutir o orçamento municipal. Uma tentativa de querer mostrar transparência.

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook