• Esperança renovada . Dois barcos saíram em busca por embarcação desaparecida, rumo ao Sul do País.



    Amigos dos desaparecidos, Alex, dono de uma banca no canto do Forte, acredita que todos serão encontrados. 

    A opinião é partilhada pelos pescadores .




    Com o anúncio do término das buscas feita pela Marinha,  pelo barco Puma, que está desaparecido há mais de 10 dias com 04 pescadores da cidade de Cabo Frio, familiares e amigos, do grupo, decidiram por conta própria continuar a procura. Duas embarcações, com equipamentos e alimentação para permanecer no mar por dias, partiram na direção do sul do país, pois segundo familiares, as buscas efetuadas pela Marinha foi na direção norte. "Com os ventos que sopravam na cidade no dia que desapareceram junto com a força da corrente, provavelmente o barco foi levado na direção do Sul do país. Na última comunicação via rádio, os integrantes informaram que o mar estava alto e a água bateu no rádio, o que teria causado um problema mais tarde. O barco tinha perdido uma garatéia perto de uma ilha e estavam com uma de corda pequena, então a corrente teria levado o  barco." Declarou Betinho, pescador experiente e parente de um dos desaparecidos.
    Outra informação que renovou a esperança dos amigos e familiares é saber que o problema com o rádio comunicador aconteceu no início da viagem. Isto teria forçado os pescadores a poupar alimentos e água que tinham levado. A quantidade era o equivalente para 15 dias de pescaria, mas sabendo do problema, os alimentos podem durar até por 25 dias, caso haja a necessidade .
    "Temos a certeza que irão encontrá los com vida." Essa é a opinião geral dos pescadores do canto do Forte, em Cabo Frio, na torcida pelos amigos desaparecidos.
    A Capitania dos Portos informou que só retorna com as buscas caso haja uma nova informação. 

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook