• quarta-feira, 19 de abril de 2017

    Polo gastronômico da Passagem, em Cabo Frio, começa a sair do papel.



    Daqui a um mês, o projeto de criação do Polo Gastronômico da Passagem, em Cabo Frio, estará pronto para ser colocado em prática. Nesta quarta-feira, 19, empresários do Bairro da Passagem, representantes da Secretaria de Turismo, Sebrae, Sindicato de Hotéis e Restaurantes e do Convention Bureau começam a desenhar, na sede do Sebrae, o planejamento estratégico do Polo, que deve ser oficialmente inaugurado no segundo semestre desse ano. Serão realizados três encontros para a criação do planejamento e no dia 16 de maio será apresentado o plano de trabalho até 2020.
    Segundo Ana Cláudia Vieira, coordenadora do Sebrae na Região dos Lagos, a instituição já ajudou a formar mais de 20 polos gastronômicos no estado do Rio, entre eles o de São Francisco e Jardim Icaraí, em Niterói, e levará as boas práticas para a  Região dos Lagos. “Este é um processo intenso. Com o polo, é realizado um planejamento estratégico conjunto, um plano de marketing, programas de capacitação e até mesmo compras coletivas.  Os comerciantes passam a entender que são parceiros e não concorrentes. Cada um tem seu perfil, mas juntos conseguem ampliar os  benefícios para as empresas e clientes ”, diz Ana Claudia.
    Fazem parte do Polo cerca de 20 restaurantes na região. Entre os participantes estão o Restaurante Galápagos, Escritório do Chef, Dream Land, Mané Paixão, Tapera Bistrô, Espetinho da passagem, Le Monde, Box 60 entre outros. Além dos hotéis, Pousadas, hostel e outras empresas do Bairro.
    Com o Polo, a expectativa é de aumento de fluxo de clientes na Passagem, que se consolidará como ponto de turismo em Cabo Frio. Olhando a experiência dos demais polos, Ana Claudia conta que a associação também permite, por exemplo, ações conjuntas, como  a  realização de eventos como festivais e shows.

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5 6

    A Soma Das Partes

    Facebook