• Começa vacinação contra a febre amarela na área rural de Cabo Frio.


    Começou nesta segunda-feira (20) a vacinação contra a febre amarela em Cabo Frio. As primeiras doses foram distribuídas na área rural de Tamoios, considerada uma área importante para realizar um cerco em toda a cidade, e também no Posto de Saúde de Unamar e no Ginásio Poliesportivo João Augusto Teixeira Silva, que fica ao lado do Posto de Saúde de Santo Antônio.

    Na zona rural, os bairros que receberam as doses estão foram: Angelim, Pacheco, Araçá, Botafogo, São Jacinto, Nova Califórnia, Maria Joaquina e Florestinha.

    Em algumas unidades foram distribuídas senhas para facilitar a vacinação. “Tudo depende da demanda de cada posto de saúde. É necessário ter paciência, pois é feita uma triagem para que as pessoas primeiramente entreguem a documentação necessária, deem as informações para ver se está apto, e aí sim vai para o registro e faz a vacinação”, explicou a coordenadora de imunização da Saúde Coletiva, Patrícia Freitas.

    O cerco será prioridade no início da vacinação contra a febre amarela na cidade. A medida foi tomada seguindo orientação do Ministério da Saúde porque a doença não tem incidência em áreas urbanas. Moradora do bairro Florestinha, dona Lucinda Alves, de 56 anos, se preocupa pois ela sabe que mora em uma área de risco: “Moro no Florestinha e tenho medo de acontecer alguma coisa pois tem muita mata lá” – afirma ela.

    Apesar da preocupação, não há motivo para correria, já que toda população será vacinada enquanto houver doses disponíveis em estoque. Cerca de 40 mil doses foram disponibilizadas para o município no primeiro lote. A expectativa é que o Governo do Estado encaminhe outros lotes para que toda população possa ser imunizada.

    "Esse cerco na Zona Rural é importante também para proteger a população da Zona Urbana", explica o secretário Roberto Pillar, acrescentando que o tempo para a vacina fazer efeito é de aproximadamente 10 dias. Por isso, quem toma a vacina deve evitar possíveis áreas de risco neste período, como caminhadas em trilhas e cachoeiras.

    Na área urbana, as vacinas serão distribuídas dentro das Unidades de Saúde a partir desta terça-feira (21), com continuidade também na área rural.

    “A população pode ficar tranquila porque não existe epidemia. Houve um caso em Casimiro de Abreu na área rural e a estratégia estadual é fazer o bloqueio nessa área. Essa é a nossa prioridade”, disse o subsecretário de saúde de Cabo Frio, Luiz Carlos.

    Santo Antônio e Unamar

    Os Postos de Saúde dos bairros Santo Antônio e Unamar, que são no centro urbano de Tamoios, também receberam as doses da vacina contra a febre amarela. Apesar de não ser considerada uma área de risco, a área urbana do 2º distrito possui a maior parte da população de Tamoios. Por isso, esses postes receberam as vacinas.

    Os moradores desses bairros ficaram aliviados, pois muitos temiam ficar vulneráveis, devido à proximidade com a zona rural, como conta seu Osvaldo Bezerra, agricultor, e morador de Unamar: “Por mais que a área urbana não seja uma área de risco, é bom se prevenir né? Tinha medo de pegar a doença, até porque, trabalho na zona rural”, afirmou.

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook