• Vereadora de Búzios emite requerimento para que Hospital volte a atender a população.


    A logística da saúde implantada pelo prefeito da cidade de Armação dos Búzios, André Granado, vem sendo criticada por vários seguimentos. O caminho encontrado por aqueles que conseguem o atendimento desejado ou se encontram em situação desconfortável ou descoberto pelo sistema é procurar o representante do legislativo, no caso os vereadores . Esta semana, a vereadora Gladys Costa, que junto com outros vereadores, chegou a verificar a realidade da estrutura do único hospital da cidade, emitiu um requerimento ao executivo solicitando o retorno do atendimento normal antes da implantação da logística da saúde . Hoje o paciente precisa buscar o primeiro atendimento nos postos de saúde ou na policlínica para ser encaminhado ao Hospital Rodolfo Perissé. Um turista do Rio de Janeiro faleceu na cidade e muitos atribuem a esta "mecânica" a sua morte. Ele foi ao hospital e não foi atendido. Foi orientado a buscar atendimento num posto e quando retornou, em uma crise de infarto, pegou um trânsito congestionado e faleceu dentro de uma ambulância que retornava para o mesmo hospital onde passou primeiro. 
    "Em meu gabinete recebo diariamente muitas pessoas reclamando deste atendimento. Temos famílias sofrendo por conta de um sistema que não deu certo. A demora num atendimento pode causar a morte de uma pessoa. Não podemos deixar que outras famílias chorem por causa de um pensamento totalmente errado. Ele mudou por que cidadãos de outras cidades invadiram Búzios, mas agora as cidades estão com seus atendimentos normalizados e a gente é que está sofrendo. Até a políclínica está sem medicamentos." Declarou a vereadora Gladys com mais uma família a sua porta pedindo ajuda . 
    O prefeito não está tendo vida fácil na câmara que vem questionando várias medidas tomadas no município, mas esta seria sim uma boa medida como demonstração de sabedoria e amor ao próximo. 

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook