• Turismo realiza visita técnica às principais atrações turísticas da cidade


    Com vistas ao aprimoramento dos serviços e do atendimento ao turista, a Secretaria Municipal de Turismo promoveu uma visita técnica a alguns dos mais importantes roteiros históricos, turísticos e naturais de Cabo Frio. Orientados pela secretária da pasta, Fabíola Bleicker, a equipe da Secretaria e representantes do trade turístico estiveram no Forte São Matheus, Museu de Arte Religiosa e Tradicional (Mart), “Museu do Surf”, Praia do Peró e das Conchas, Ilhas do Papagaio e do Farol.

    De acordo com Fabíola, o objetivo é melhorar a atuação das equipes que tratam, direta e/ou indiretamente, com o visitante. A proposta é fazer com que cada profissional se transforme num agente de turismo capaz de prestar informações sobre roteiros, passeios e serviços, além de garantir que os turistas conheçam todas as opções e alternativas de lazer do município.

    “O turista bem informado fica mais tempo na cidade, mais uma noite no hotel,  vai experimentar novos restaurantes, novas opções de passeios, novos shows, entre outros atrativos. E se ele não tem tempo para isto, com certeza retornará em outra ocasião para conhecer o que não foi possível da primeira vez, desde que tenha conhecimento dessas alternativas”, avaliou Fabíola, que pretende desenvolver a ação de aprimoramento com todos os profissionais ligados ao trade.

    A visita da equipe começou no recém-inaugurado “Museu do Surf”. Na ocasião, o curador do espaço, Telmo Moraes, se emocionou ao lembrar a luta para manter o extenso e raro acervo do espaço, que conta a história do surf cabo-friense e mundial. Segundo ele, em breve uma prancha do campeão mundial Gabriel Medina vai aumentar o patrimônio do museu.

    A atração seguinte visitada pelo grupo foi o Forte São Matheus, um dos mais importantes monumentos e principal cartão-postal de Cabo Frio. Em breve, o espaço abrigará a exposição fotográfica "Conservando a Biodiversidade Marinha", realizada pelo Projeto Albatroz, e uma mostra de miniaturas de barcos que integra o acervo do Museu José de Dome (Charitas).

    Na sequência, a equipe foi ao Museu de Arte Religiosa e Tradicional (Mart) de Cabo Frio que possui acervo datado do século XVII composto por peças de mobiliário, retábulos e imagens sacras em terracota e madeira policromada. A equipe foi recebida pela diretora do Museu, Maria Fernanda Pinheiro de Oliveira, e pela historiadora Flávia Maria Franchinni Ribeiro que contou a história do Convento Franciscano que se transformou em museu.

    A supervisão nos pontos turísticos encerrou com um roteiro marítimo marcado pela exuberância e pela beleza. A equipe navegou pela Praia do Forte, Ilhas do Farol e Papagaio até as Praias das Conchas e do Peró. Esta última é a única da região a concorrer à certificação internacional Bandeira Azul, concedida somente a seis praias brasileiras.

    Para conseguir a certificação, é necessário que o Peró cumpra, nos próximos 17 meses, 34 critérios que incluem acessibilidade, ordenamento e segurança, além de implantar ações de educação ambiental para garantir a certificação. A pedagoga Cristiane Rotier Duarte, que também é educadora ambiental e integrante do Comitê Gestor do Bandeira Azul, acompanhou a visita técnica e se disse otimista com o apoio do governo Marquinho Mendes e da secretária Fabíola Bleicker ao projeto.

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook