• Prefeitura negocia volta dos transatlânticos para Cabo Frio no próximo Verão

    Os transatlânticos estarão de volta a Cabo Frio no próximo Verão. O prefeito Maquinho Mendes e a secretária de Turismo, Fabíola Bleicker, se reuniram nesta sexta-feira (3) com o presidente da Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Abremar), Marco Ferraz, e com a diretora de Infraestrutura e de Operações da MSC, Márcia Leite, para discutir a retomada do turismo de cruzeiros na cidade.

    Ficou acordado a chegada de pelo menos dez escalas na temporada 2017/2018. Isso deverá representar uma injeção de cerca de R$ 2 milhões na economia local.  

    "Cabo Frio tem tudo para voltar ao cenário do turismo de cruzeiros. As empresas estão querendo trazer mais navios e, se a gente trabalhar junto, isso vai acontecer", comentou Ferraz, que acredita que a parceria com o governo vai recolocar o município entre os principais destinos de cruzeiros marítimos.

    Segundo especialistas, o Brasil está em queda no mercado dos transatlânticos. A temporada brasileira opera com apenas sete navios e tem previsão de transportar  pouco mais de 350 mil turistas. Em 2010 o Brasil contava com 20 transatlânticos em operação e mais de 700 mil turistas. 

    A precária infraestrutura portuária de terminais de passageiros, o alto custo de operação nos portos — 40% a mais que a média no mundo —  a onerosa e excessiva carga tributária brasileira e a legislação trabalhista, tem tirado os transatlânticos da Costa Brasileira. A China, este ano, tem 52 navios em operação e a Austrália está recebendo 36 transatlânticos e um milhão de cruzeiristas. Para a Abremar, a parceria com o município de Cabo Frio vai colaborar para reverter este cenário.

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook