• Policiais Militares encontram o pequeno Iago e escrevem uma carta emocionados para o jovem .

    Coronel Henrique, junto com outros policiais, visitaram o pequeno Iago após sua saída do hospital.


    Na tarde de ontem (20) o comandante do 25º BPM, Coronel Henrique, junto com outros policiais militares, visitaram o pequeno Iago. O menino agredido covardemente no bairro Novo Portinho, em Cabo Frio. Numa resposta rápida a sociedade e a família, os policiais Subtenente Carlos Victor e o Cabo Veríssimo, junto com outros, conseguiram prender o acusado em São Pedro D`Aldeia. 
    O menino ficou internado e após sua recuperação recebeu os policiais em sua casa, realizando uma grande festa de amizade e respeito.  Após o encontro os policiais se mostraram profundamente emocionados com a recepção e a oportunidade de conhecer os parentes e amigos do jovem . Os responsáveis pela prisão do elemento agressor escreveram uma carta para o garoto . Leia na íntegra : 

    "Iago,
    Podemos falar que hoje foi um dia muito especial, e nas muitas voltas que a vida dá, tivemos a imensa satisfação em conhecê-lo, desta forma nos deixou algo muito bom, que foi o brilhante espírito de luta, renovação e desejo de persistir, você foi o exemplo disso.
    Por mais que às vezes algo dê errado em nossas vidas aconteça ou tentem nos tirar abruptamente a possibilidade de sermos felizes, o desejo de continuar é necessário, sendo básico um recomeço, e mesmo depois de uma jornada de acertos, um fato nada típico ou condizente com nossas atitudes nos fazem deparar numa situação ruim na caminhada e dar por fim nossa história pode ter a absoluta certeza que não há melhor sensação, senão aquela do dever cumprido, assim como a incansável vontade de viver, esquecendo por completo a possibilidade de jogar a toalha ou desistir. 
    E, quando falamos em não precisar agradecer, uma vez que, cumprimos com nossas obrigações e ao que juramos como Policiais, não queremos ser deselegantes ou cortar a sua grandiosa benignidade, mas demonstrar que diante das mais adversas situações da profissão, tentamos apenas ser gentis com àquele que esbanja gentileza. O que se faz, nada se deve esperar em troca, contudo somos surpreendidos por um pequeno de 12 anos, que através do seu olhar nos ensina a arte de continuar a busca incessantemente pela felicidade e pela vida.
    Ao ouvirmos um familiar seu afirmar que era um rapaz criado com profundo amor e carinho, ensinado a respeitar a todos, e com extrema educação, não fazíamos ideia do ser humano que era. Guarde uma coisa em sua lembrança pequeno grande herói, que sempre poderá contar conosco, que poderá contar com a incansável Policia Militar, e que na verdade nós que o agradecemos, pela chance de fazer parte da sua vida, mesmo que por um breve momento, e na verdade nós que devemos falar com a maior das afirmativas, o prazer foi todo nosso, conhecê-lo. Por Carlos Victor e Diego Veríssimo ( responsáveis pela prisão do acusado. Em destaque na foto com o menino )." 


    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook