• Números mostram que Cabo Frio está se recuperando aos poucos da crise.


    Apesar da crise, índices de Proteção ao Crédito e do Sebrae mostram uma recuperação da economia na cidade

    Segundo pesquisa realizada pela ACIA (Associação Comercial e Turística de Cabo Frio), em 2014, o número de nomes negativados pelo serviço de proteção ao crédito, SPC foi de 3503. Já de 2015 até hoje, foram 3183 negativações, ou seja, 320 cadastros a menos do que no mesmo período do ano passado.
    Das 3183 pessoas que tiveram os nomes negativados, 1321 conseguiram limpá-lo, ou seja, 41% das pessoas conseguiram recuperar o nome limpo. Isso demonstra que houve uma leve aceleração da economia, e que as coisas começaram a melhorar para o comércio em Cabo Frio.
    De acordo com o empresário e presidente da ACIA, Eduardo Rosa, o momento é de investir mais em suas empresas locais e de acreditar.
    - É preciso que os comerciantes de Cabo Frio tenham muita força de vontade e persistência para impulsionar seus negócios. O momento é de melhora, e precisamos trabalhar duro para nos levantar desta crise, afirmou.
    Em uma pesquisa realizada pelo Sebrae, o número de micro empreendedores individuais em Cabo Frio aumentou de 9.802 em 2014, para 11.505 em 2015. Ou seja, houve um crescimento de 17,03% nesta categoria, no município. O número de empresas também mostrou aumento, de 15.439 em 2014, para 17.466 em 2015, um crescimento de 20,27%.
    Quem também aproveitou o momento de melhora na economia para investir no próprio negócio foi o João Trindade, dono do “Doces do João”. Ele já trabalhava na área de confeitaria há 5 anos, fazendo bombons e tortas onde estudava, e decidiu expandir seu negócio abrindo um foodtruck e uma foodbike.
    - O segredo para o sucesso é o bom atendimento, o preço baixo e as novidades. Esses três pontos são fundamentais para se estabelecer no mercado e conquistar novos clientes, pontuou João.

    Esse ano, foram abertas 336 microempresas em Cabo Frio, cadastrados 1999 micro empreendedores e 97 empresas de pequeno porte. Os dados demonstram que a economia começou a se levantar, e é hora de aproveitarmos.

    Patrocinadores

    1 2 3 4 5

    Q Onda Moda Praia

    Facebook